Portaria virtual ou remota: você sabe o que é e suas vantagens?

Investir em segurança é sempre imprescindível. Ainda mais quando se trata de prédios e condomínios, onde o fluxo de pessoas é bastante intenso.

Assim, medidas de segurança tornam-se fundamentais, uma vez que o trânsito de pessoas que entra, e que sai, é constante durante todo o dia.

Dessa forma, para evitar que pessoas driblem o sistema, peçam autorização para outros apartamentos para ingressar no espaço e assim se dirijam a outra residência, o a portaria remota auxilia, e muito!

É o implemento direto da tecnologia no controle e fluxo de pessoas que ingressam no condomínio. Torna-se mais eficiente e adequada a seleção de quem pode e não pode entrar no condomínio.

Como funciona a portaria remota ou virtual?

Por meio da portaria remota ou portaria virtual, toda a entrada e saída de moradores ou ainda visitantes possuem monitoramento de um profissional. O circuito de câmeras estrategicamente localizadas permite que esse zelo seja feito.

Comandos de voz, sistema sensorial e interfone interligado ao telefone celular permitem um contato direto. Com um sistema vinculado a internet, junto de uma central de monitoramento, torna-se prático o controle.

Toda a liberação para acesso de visitantes exige o cumprimento de procedimento estabelecidos de forma prévia. Enquanto os moradores podem ter sistema de biometria, controle ou tags para acesso, os visitantes sofrem alguns processos.

Gravação, controle de entrada por nome e a ligação direta ao proprietário para autorizar a entrada. Capturados de forma remota, o destino do visitante é gravado até a entrada na residência especificada.

Assim, qualquer acesso de uma pessoa diferente ao interior do condomínio é registrado e acompanhado. Vale destacar que a portaria remota, bem como a inserção de tecnologia, possibilita um acesso prático, rápido e seguro ao próprio morador.

5 sistemas integrados à portaria remota

  1. Sistema de biometria e apps: para garantir acesso seguro e rápido aos moradores, instala-se a biometria ou leitor de QR-Code. Para acessar o interior do condomínio basta, simplesmente, aproximar o código para garantir o reconhecimento.
  2. Sistema de ligação e contato via internet: ao invés do já convencional interfone que liga aos apartamentos, essa novidade é de cair o queixo. A portaria remota consegue ligar diretamente para o aparelho telefônico (número pessoal) do morador que vai receber um visitante.
  3. Câmeras IP: áudio e vídeo transmitido por meio de câmeras estrategicamente colocadas. Além de abranger todos os cantos das áreas comuns do prédio, ela possui um sistema ligado a internet que facilita a comunicação e o acervo de imagens.
  4. Abertura de garagem a distância: com controle remoto, mas também algumas podendo conter o reconhecimento de um código instalado no pára-brisa do carro, para facilitar o ingresso de carros de moradores.
  5. Botão de pânico: de suma importância quando se trata de segurança. O botão do pânico contacta rápida e diretamente o sistema particular de segurança e a força policial.

Vantagens de adotar a portaria virtual

  • Redução de despesas do condomínio com seguranças de portaria alternados;
  • Implantação de tecnologia que auxilia no controle de entrada e saída de pessoas;
  • Câmeras estrategicamente colocadas para garantir segurança interna;
  • Conexão de internet para contato direto com os proprietários, mesmo eles não estando em casa;
  • Aumento no controle de quem entra nas dependências do condomínio;
  • Sensores de movimento nas áreas comuns;
  • Garante uma entrada segura, rápida e eficiente dos moradores;

Como a portaria virtual pode ser essencial?

Para garantir uma segurança interna eficiente, a portaria remota trabalha possibilitando facilidade no acesso do morador, e tornando mais burocrático o ingresso do visitante.

Apesar de parecer algo ruim à primeira vista, essa burocracia transforma-se rapidamente em segurança. Afinal, garante-se registros, filmagens e proteção aos moradores.

Primeiramente, foca-se em ter um contato rápido e prático com o morador. Em seguida, permite-se uma avaliação registrada das entradas e saídas das dependências do prédio.

Com tudo devidamente registrado – seja a conversa, seja a filmagem -, a portaria remota mostra-se como o mais eficiente sistema de segurança vigente no mercado.

Afinal, impede que enganos sejam cometidos, e o registro não deixa enganar.

A Imobiliária Guaíra está de olho nas novidades tecnológicas

Gostou do artigo? Deixe um comentário!

Deixe uma resposta